Moda | UmMetrossexual.com

ETIQUETA, COMO AGIR NAS MAIS VARIADAS SITUAÇÕES?

21 outubro, 2011 por Luciana Garcia

Elegância é muito mais do que roupa: acima de tudo, é postura. E, apesar de cada indivíduo ter seu jeitinho próprio, que é único e especial, sempre é possível aperfeiçoar as boas maneiras. Tirando a questão da frescura, que é totalmente dispensável, ter boas maneiras é nada mais que ser agradável aos outros. E, como costumo dizer, é legal conhecer etiqueta para poder escolher se quer ou não usá-la, em vez de ficar sem saber como agir em determinadas situações – até porque, as regras geralmente têm um porquê lógico, e procurei saber para informar aqui.

  •  À mesa: o homem sempre deve se levantar para cumprimentar outras pessoas (em situações formais, apenas com um aceno de cabeça) – de preferência, com um sorriso e olhando nos olhos.
  • No restaurante I: devem ser comidos com a mão frango à passarinho, asa de frango, espiga de milho, mariscos em conchas e alcachofras: são pratos informais que requerem praticidade.
  • No restaurante II: não devem ser partidos com a colher o pãozinho, a salada, ovos e massas como o espaguete – quem souber o porquê me conta!
  • Aperto de mão: não deve ser mole nem apertado demais; basta ser natural.
  • Socialmente: inclua pessoas que estejam presentes, mesmo que sejam desconhecidas, na conversa engatada que você está tendo com seu amigo, puxando assunto com elas.
  • De carona: se o homem vai no banco de trás, é gentil entrar antes da mulher, para ela não ter que ficar se arrastando pelo banco.
  • Em viagens: fazer comparações do local com seu país de origem pode soar indelicado aos nativos.
  • Em conversas: manter os braços cruzados pode dar a impressão de pouca atenção ao seu interlocutor.
  • Na rua: o homem anda próximo à rua e a mulher, à fachada; esse antigo costume evitava que lama espirrasse nas roupas femininas.
  • Na escada: o homem desce e sobre na frente da mulher, para não ficar olhando por trás; apenas no caso de senhoras idosas sobe atrás dela, porque se ela escorregar ele pode ajudá-la.
  • No almoço de trabalho: confirme o encontro no dia e não peça nenhuma bebida antes de a outra pessoa chegar (a não ser água) e não comece a conversa falando diretamente de trabalho.
  • Na festa da empresa: sempre é prudente muito cuidado com o consumo de álcool, e assuntos negativos, principalmente da empresa, devem ser evitados, pois isso prejudica o motivo da comemoração.
  • No trabalho I: receber alguém sentado ou atrás da mesa de trabalho é considerado pouco caso com a pessoa.
  • No trabalho II: em vez de dizer que alguém é seu funcionário, diga que trabalham juntos ou apresente-o pelo cargo: assim não fica arrogante de sua parte, não humilha o outro, e os cargos também podem ficar claros pelo cartão de visitas.
  • No trabalho III: o exagero no cavalheirismo pode ser visto pelas mulheres como a intenção de passar uma imagem de superioridade, por isso é prudente ser discreto – especialmente nos Estados Unidos.
  • Acima de tudo: saiba se a mulher que o acompanha não é feminista, porque, se for, talvez prefira que você faça tudo ao contrário!

Para saber mais: Sempre, às vezes, nunca: etiqueta e comportamento (Fábio Arruda, Arx)  e Alô, chics (Gloria Kalil, Ediouro)


Categoria: Moda | Sem Comentários »

15 DICAS PARAR ACERTAR NA ESCOLHA DA GRAVATA

13 outubro, 2011 por Luciana Garcia

Gravata é um acessório admirado por muitos homens – e mulheres –, e odiado por outros. Mas, em algum momento da vida, dificilmente um cavalheiro escapa de ter de recorrer a ela. Portanto, guarde bem as dicas a seguir:

 

 

  1. A gravata precisa aparecer. Ela é o destaque no traje masculino. Assim, evite tons e estampas que fiquem “camuflados” na camisa. Em geral, fica elegante a gravata mais escura que o terno.
  2. Terno preto e camisa branca são os clássicos que ficam bem com praticamente qualquer tipo de gravata. Na dúvida, recorra a eles.
  3. Camisas listradas pedem gravatas lisas. Se você usar uma gravata listrada sobre listras, o excesso de informação acaba incomodando a visão de quem olha para você, em vez de passar uma imagem harmônica, elegante e agradável.
  4. Camisas lilás estão na moda. Para elas, a gravata ideal é a da mesma cor, ou arroxeada. Dependendo do tom, pode ser que um grafite na gravata também caia bem; vale a primeira regra: a gravata precisa sobressair.
  5. Gravatas estampadas ficam bem sobre camisas lisas. Informação demais cansa em vez de atrair.
  6. Gravatas de cores exuberantes, como verdes e amarelos, ficam bem sobre camisa branca, para não haver erro. A amarela pode ir sobre uma camisa de tom amarelo bem clarinho ou azul, caso tenha algum detalhe também em azul. E, se a camisa tiver um tom de bege clarinho, também aceita bem a gravata verde.
  7. Camisas pretas ficam ótimas com gravatas em prata escuro e bordô. Uma gravata também preta com listras brancas também fica muito harmônica.
  8. Camisas de cores fortes pedem gravatas mais neutras, que acabam contrastando naturalmente e sem exagero. Por exemplo, uma camisa bordô fica ótima com uma gravata em tom cinza-claro.
  9. Se você optar por uma gravata em relevo, cuide para que a camisa não tenha detalhes que “briguem” com o desenho. Se o relevo for bem discreto, pode ir sobre uma camisa listrada – desde que você se sinta seguro para criar a combinação.
  10. Se a gravata tiver mais de uma cor, é interessante que um dos tons esteja presente na camisa; na dúvida, essa regra é valiosa.
  11. As gravatas mais refinadas são as de jacquard e as de seda, e as mais simples, de poliéster – usadas em situações menos formais. As de jacquard com nó italiano (aquele mais grosso) são consideradas muito elegantes.
  12. Em ocasiões muito formais, é mais elegante usar gravata discreta.
  13. Ternos sequinhos pedem gravatas de espessura fina, enquanto os mais largos pedem gravatas maiores.
  14. O comprimento da gravata deve chegar à fivela do cinto.
  15. Gravatas engraçadinhas fizeram sucesso nos anos 80 e início dos 90 (quem não se lembra das usadas pelo querido Didi Mocó?!), quando alguns empresários quiseram passar uma imagem de descontração no ambiente corporativo. Como nessa época tudo era muito over, fazia parte do contexto, e foi uma manifestação legítima. Porém, se pensarmos bem, a função da gravata é exatamente a de transmitir formalidade, então, será que não faz mais sentido deixar de usar uma do que bancar o engraçadinho?

 

 

Se, por fim, você tiver muito problema em fazer o nó, não se desespere: não é difícil encontrar nas lojas gravatas com o nó já pronto! Ou ainda veja esse nosso post que ensina como fazer um belo nó de gravata:

COMO FAZER NÓ NA GRAVATA?

 

* Para este texto tive a gentil colaboração da Cristiane Gonçalves Lima, gerente de uma das lojas Ophicina de Costura, que oferece grande variedade de tipos e modelos de gravata: www.ophicinadecostura.com.br

 

* Para mais informações sobre terno, leia um outro artigo nosso Festa de casamento: como não errar na roupa.


Categoria: Moda | Sem Comentários »

SAIBA QUAL ROUPA USAR PARA NÃO ERRAR NA HORA DA FESTA

12 abril, 2011 por Luciana Garcia

Não tem jeito: festa quase sempre traz a dúvida de que tipo de roupa deve ser usada. Para evitar o risco de estar mais ou menos desarrumado, o ideal é ir diretamente ao ponto e perguntar qual o “estilo” para o anfitrião (usando o bom senso quanto ao local e o horário, claro), se for mais casual, ou seguir as orientações do convite, no caso das festas formais. Mas… você sabe interpretar essas orientações? Justamente nas festas mais formais estão as maiores preocupações, por isso é bom ter registrado na memória (ou no papel):

Traje esporte camisa e calça social simples ou jeans arrumadinho

Traje passeio, tenue de ville ou esporte fino calça mais arrumadinha e em geral clara com blazer, mas sem a necessidade de gravata

Traje Summer é um traje formal, com terno, só que branco, usado em eventos durante o verão e ao ar livre

Traje social, social completo ou passeio completo terno e gravata, sem maiores complica/ preocupações, porém mantendo tons escuros em eventos após as 18h

Traje a rigor ou black-tie o famoso smoking, terno preto ou azul-marinho bem escuro, com opção de colete ou faixa (a preta é a considerada mais elegante)

Gala smoking ou casaca (não é tão comum, especialmente hoje em dia)

Dica extra: nas ocasiões mais formais, quanto mais discreta a gravata, melhor, assim como qualquer outro acessório.


Categoria: Moda | 2 Comentários »

QUAL SUNGA USAR NO VERÃO?

6 janeiro, 2011 por Luciana Garcia

A indústria da moda está apostando forte nas sungas neste verão, deixando menos espaço para as bermudas. Mas, por haver sempre clientes fiéis, fique tranquilo que você também as encontrará.

A graaaande maioria dos homens – a não ser os que moram no Rio e em Salvador – prefere o bermudão à sunga, porque, evidentemente, cobre mais o corpo. Os estrangeiros então têm verdadeira aversão pela sunga. O lado ruim do bermudão é aquela inevitável marca de sol (um tanto ridícula, convenhamos) que vai até o joelho. Mas, se é com ela que você se sente confortável, aqui vão algumas opções bacanas para o verão.

A dica é: não compre a primeira que aparecer: escolha uma cor e uma estampa bacanas, que tenham a ver com você, e, de preferência, não sejam tão criativas que pareçam bobas, e complete o visual com um bom óculos (que não precisa ser caro, mas obrigatoriamente tem que passar no teste de proteção aos raios solares, porque, do contrário, causa ainda mais danos à vista do que sem o uso de óculos, já que as pupilas sob a lente escurecida ficam mais dilatadas e, portanto, mais vulneráveis) e com um boné ou chapéu maneiro (ou seja, que fique bem em você). Ah, sim: e não use tênis! Opte por um chinelo descolado ou uma papete.

No quesito sunga, que em geral passa mais autoconfiança, a preferência geral fica por conta de cores neutras e laterais mais larguinhas (na verdade, quanto mais fina, mais exposto fica o corpo).

De fato, a sunga com lateral mais larga costuma ser também preferida pelas mulheres – opinião na qual me incluo –, mas, em termos de cores e padrões, pessoalmente sugiro que você experimente novidades, porque, assim como camisas sociais, a indústria masculina é meio preguiçosa em termos de criatividade, porque em geral os homens se apegam ao padrão, sem ousar muito, mas isso não significa que não possam ser mais elaborados sem cair no exagero, e essa resposta da indústria só vai acontecer se você, consumidor, mostrar que pode ir além do preto e do azul-marinho.

  1. a tradicional larguinha na cor grafite supre o preto sendo um pouco mais criativa.
  2. uma linda opção de estampa geométrica (sempre mais estilosa) na cor branca.
  3. o cinza em dois tons é uma cor menos comum e que dá um efeito bacana em vários tipos de pele.
  4. para substituir o vermelho, que é chamativo demais, esse tom laranja é descolado e bem verão.
  5. o azul com tom de outra cor e faixa lateral foge do óbvio com charme.
  6. uma opção fashion do bege.

Opções de bermudas com estampas originais e estéticas.


Já com relação ao corpo, a dica é aguçar o olhar no espelho, experimentando diferentes modelos e percebendo, por exemplo, qual o alonga mais e cai bem com seu tom de pele. Se você for do tipo mais baixinho, por exemplo, não convém usar uma sunga muito larga; opte pela média. E se o seu tom de pele for muito claro, o ideal são cores nem muito escuras, nem muito claras, pois ou rolará um contraste absurdo, reforçando “a brancura”, ou você ficará apagado. Já os morenos e negros que arriscarem uma sunga branca, desde que estejam “sarados”, devem fazer sucesso (a ressalva é pelo fato de a sunga branca chamar a atenção, então, se não quiser que olhem demais para o seu corpo, opte por uma cor mais escura). Para escolher uma boa sunga branca, é fundamental observar se o forro é de cor de pele ou se tem pelo menos duas ou três camadas de tecido, e ainda assim vale fazer o “teste do chuveiro” para testar a transparência. Se não for aprovado, volte na loja e exija a troca.

Finalmente, lembre-se de usar protetor solar – adequado ao seu tom de pele, o que pode ser consultado no verso do produto (em geral, peles mais branquinhas precisam do fator 30, pelo menos até pegar uma corzinha) – e de se hidratar bastante, abusando também da água, da água de coco e dos sucos naturais.


Categoria: Moda | 5 Comentários »

POR QUE USAR SAPATÊNIS?

23 julho, 2010 por Luciana Garcia

Logo depois de escrever o primeiro artigo, eu estava na casa de uns amigos e contei que havia escrito um texto sobre os casais destoantes. Meu amigo foi direto ao ponto: antes de eu dizer qualquer coisa, foi logo reclamando que sua jovem esposa vivia pressionando-o a usar sapatênis, e que ele achava desconfortável e só usava tênis – ou sapatos em casamentos. E eu percebi que o sapatênis dá um tema sozinho.

Vamos por partes: em primeiro lugar, conforto e acomodação não podem e não devem se misturar, como já comentei antes. Esse mito tem que cair! É fundamental ter conforto em toda a vestimenta – embora em ocasiões especiais até haja casos em que vale a pensa abrir mão disso um pouquinho… rs –, mas ficar acomodado sem nem mesmo tentar buscar melhorar a aparência não faz sentido quando existem opções. O sapatênis não é apenas um tipo de calçado; é quase um conceito, tantas são as variações e opções de modelos. Imagino que o cara – ou a mulher… – que criou o sapatênis pensou: “Homem gosta de conforto; preciso criar um tênis com cara de sapato!”. Trata-se justamente de uma alternativa que proporcione mais conforto que o sapato sem apresentar o ar esportivo e relaxado do tênis, certamente conferindo mais charme e modernidade à aparência masculina – e as mulheres reparam nisso.

Além do que a fronteira entre o sapato e o tênis tem se tornado tão sutil que muitos tênis, especialmente os puxados para o bege e o marrom, acabam fazendo o mesmo efeito. Acima de tudo, o importante é não deixar de experimentar diferentes modelos, de preferência de cores bem neutras se for o seu primeiro par, até encontrar aquele que lhe ofereça o tão sonhado conforto. É um investimento de tempo que vale a pena; depois você pode ir comprando outros modelos da mesma marca sem pensar muito nem perder tempo. Mas não se esqueça de que as mulheres são capazes de investir muito em sua sensualidade, apostando em saltos finos para melhorar toda a sua silhueta, e que um pouquinho de esforço para se equiparar a elas no quesito pés não é nenhum fim de mundo… Até porque no início do século XX os homens sofriam bem mais com seus ternos, chapéus e colarinhos engomados… Não deixe de aproveitar os benefícios tecnológicos dos novos tempos!


Categoria: Moda | 11 Comentários »

NOVIDADES NO BLOG UM METROSSEXUAL 2010

1 julho, 2010 por Gustavo Tijolo

Queridos Leitores, :)

Chegamos ao segundo semestre de 2010 (sim, o tempo voa…) e temos novidades aqui no blog.

A vida de todos os colunistas aqui no Blog está corrida e por isso, infelizmente, não conseguimos manter a regularidade de atualizações dos posts como gostaríamos, pensando nisso e nas sugestões de leitores convidamos mais duas pessoas para contribuírem com artigos para o blog, e eles são especialistas no assunto e irão abordar os seguintes temas: Cinema e Moda.

Para falar de Cinema, temos:

Camilo Lima, publicitário, carioca radicado em São Paulo desde 2000. Adora viagens, literatura e cinema, e no Blog contribui com suas impressões sobre filmes sem compromisso com gêneros, estilos ou épocas.

.

.

.

E sobre Moda, temos:

Luciana Garcia, paulistana, é jornalista formada pela Faculdade de Comunicação Social Cásper Líbero e pós-graduada em Marketing pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Formada ainda em História da Moda e Produção de Moda pelo Senac São Paulo, é editora de livros especializados nessa área, tendo, entre seus trabalhos, Pelo mundo da moda de Lilian Pacce, Olhar atento, do casal designer Ventura, e História da roupa no Ocidente, tradução do francês de François Boucher, uma referência mundial. É ainda autora de diversos livros infanto-juvenis e premiada no setor editorial.

Além disso, estamos concorrendo novamente ao prêmio TOP BLOG, agora na edição 2010, ano passado vencemos milhares de blogs e fomos eleitos o melhor blog do Brasil na categoria Saúde em 2009, vejam “BLOG UM METROSSEXUAL É ELEITO O MELHOR BLOG NA CATEGORIA SAÚDE PELO TOPBLOG”

Então, aproveitando o assunto convidamos todos os leitores a contribuírem com seus votos clicando no selo abaixo:


Categoria: Cultura, Moda, Variedades | 1 Comentário »

MODA MASCULINA PARA O VERÃO 2010

21 dezembro, 2009 por Gustavo Tijolo

Alguns leitores têm pedido posts sobre moda e cortes de cabelo, encontrei um vídeo no Youtube com especialistas da área comentando sobre as tendências da moda para 2010.

Eles não falaram nada muito diferente sobre corte de cabelo, ou seja, aquilo que todos falam… Use o corte que tem vontade, nada de exageros, quanto mais natural melhor e etc., mas vale à pena assistir! 😉


Categoria: Moda | 2 Comentários »

COMO FAZER NÓ NA GRAVATA?

22 setembro, 2008 por Gustavo Tijolo

Sabe quando surge àquela festa de formatura, casamento ou reunião com o chefe e você precisa ir trajando um belo de um terno e um nó de gravata perfeito, então, tenho certeza que todo homem já passou por isso, como fazer um nó na gravata?

Para quem não está acostumado a usar traje social todo dia, vale a pena ver o vídeo…


Categoria: Moda | 3 Comentários »